​​Imprensa

Alfredo Kalles Jr. entrevista o ator e escritor Oscar Calixto

Sou membro da APALCA desde novembro de 2011. A Minha entrada à academia está ligada à Publicação do livro “Sobre Homens e Abismos” que fiz em 2008 pela Editora Baraúna. Desde 2008 ele está sendo vendido. Após o lançamento, saíram matérias em “O Jornal” e na “Tribuna do Sertão” que são dois periodicos Alagoanos. A presidente da APALCA viu, solicitou toda a minha obra, analisou e me fez o convite.

Alfredo Kalles Jr. entrevista o ator e escritor Oscar Calixto

A Coluna Alfredo Júnior traz uma entrevista com o ator, diretor e escritor Oscar Calixto.

Membro da Academia Palmeirense de Letras, Ciências e Artes (APALCA), ele é citado como um dos mais jovens nomes a integrar uma Academia de Letras no país.

Calixto, que lançou recentemente o livro “Sobre Homens e Abismos”, neste bate papo fala da carreira e de seu mais novo projeto, o “Neuróticos”. Leia:

Desde quando você é membro da Apalca e que atribui sua entrada à academia? Sou membro da APALCA desde novembro de 2011. A Minha entrada à academia está ligada à Publicação do livro “Sobre Homens e Abismos” que fiz em 2008 pela Editora Baraúna. Desde 2008 ele está sendo vendido. Após o lançamento, saíram matérias em “O Jornal” e na “Tribuna do Sertão” que são dois períodicos Alagoanos. A presidente da APALCA viu, solicitou toda a minha obra, analisou e me fez o convite.

Como e quando são as reuniões da instituição? As reuniões da APALCA acontecem toda semana em Alagoas. Eu acompanho por e-mail já que, por estar distante, assumi a função de Membro Correspondente. Mantenho-os informados sobre o que acontece por aqui à nível cultural, sobre minhas novas pesquisas e criações e divulgo o que acontece na Academia de maneira geral. As reuniões normalmente são bem ecléticas. Nas reuniões discutem-se assuntos a cerca da economia criativa e, sobretudo, de atualidades culturais.

E como você digere a informação da possibilidade de se tornar o membro mais jovem das academias de letras do país? Esse lance de ser membro de Academia de Le